Danos no DNA – Nem tudo o que é mau vem por mal…

Por Rita Zilhão, Faculdade de Ciências de Lisboa, Portugal

Figura 1. Esquema das principais etapas da expressão génica e respectivos pontos de controlo. Fonte: Wikipedia

A expressão génica é o processo pelo qual a informação de um gene é usada na síntese de um produto génico funcional, como por exemplo as proteínas. Pode dizer-se que em todas as formas de vida, desde os vírus e microrganismos ao homem, passando pelas plantas, a expressão génica é a base da vida biológica. A expressão génica inclui diferentes passos (ver Figura 1). Cada uma dessas etapas encontra-se sob um “chapéu” de processos regulatórios que controlam o momento, o local (tipo de célula), a quantidade e qual o gene que vai ser expresso. Por essa razão, a regulação da expressão génica tem um papel basilar no desempenho das célula e organismos. Continuar lendo

Como eventuais episódios moleculares podem mudar o rumo de uma vida

Por Marco Augusto Stimamiglio <mstima@hotmail.com>                                            Instituto Carlos Chagas – Fiocruz/PR

Marco - FiguraÉ normal na ciência atribuir um efeito negativo às mutações no DNA que ocorrem constantemente em nossas células. Diversos tipos de mutações gênicas estão relacionados à indução da multiplicação descontrolada de uma célula e a geração de tumores. Outros são relacionados à geração de doenças autoimunes e neurodegenerativas. Entretanto, é bastante raro que se atribua às famosas mutações a cura de uma doença! Continuar lendo

Serão as células normais e as células tumorais mais parecidas do que imaginamos?

Por Hélia Neves                                                                                                                                        Prof. da Faculdade de Medicina de Lisboa – Portugal
Sabe qual é o órgão no nosso corpo que perde 30.000 células/min e é responsável por grande parte do pó que produzimos lá em casa? É também o nosso maior órgão, que corresponde a 15% do nosso peso total e ocupa uma área de aproximadamente 2m2. Já adivinhou? Se disse a pele, acertou!

A pele é o órgão que reveste o nosso corpo protegendo-nos do exterior e literalmente impede-nos de evaporar! Continuar lendo